Direitos dos Sindicalizados

Enquete

Como o trabalhador avalia a situação econômica do Estado?

Ótimo - 11.1%
Bom - 6.7%
Regular - 26.7%
Ruim - 20%
Péssimo - 35.6%

Sugestão de Pauta

 
Stia/AL participou de audiência no MPT para pagamento dos trabalhadores da Utinga

Stia/AL participou de audiência no MPT para pagamento dos trabalhadores da Utinga

Dezenas de empregados da Usina Utinga Leão participaram da a audiência promovida pelo Ministério...

Diretor do Stia/AL participa de palestra sobre recuperação judicial

Diretor do Stia/AL participa de palestra sobre recuperação judicial

O juiz Paulo Furtado de Oliveira Filho, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ/SP), ministrou...

Intenção de consumo das famílias aumenta quase 10% em janeiro, diz CNC

Intenção de consumo das famílias aumenta quase 10% em janeiro, diz CNC

A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) aumentou 9,7% em janeiro, quando comparado a janeiro do...

  • Stia/AL participou de audiência no MPT para pagamento dos trabalhadores da Utinga

    Stia/AL...

    Segunda, 12 Março 2018 12:01
  • Diretor do Stia/AL participa de palestra sobre recuperação judicial

    Diretor...

    Quinta, 18 Janeiro 2018 19:19
  • Intenção de consumo das famílias aumenta quase 10% em janeiro, diz CNC

    Intenção...

    Quinta, 18 Janeiro 2018 19:05

STIAL/AL promove debate sobre Reforma Trabalhista

O Sindicato dos Trabalhadores na Indústria do Açúcar no Estado de Alagoas (Stia/AL) promoveu um amplo debate sobre a Reforma Trabalhista no auditório de sua sede, no bairro do Jaraguá, em Maceió. Na oportunidade o professor universitário, especialista em Direito do Trabalho, Raul Júnior, fez menções do que será prejudicial para classe trabalhadora.

Quem também tirou dúvidas da categoria e pôde explanar as preocupações para os delegados das usinas foi o advogado do Stial/AL, Minervino Ataíde. Várias críticas foram colocadas e a importância, cada vez maior, de um sindicato atuante.

O professor Raul Júnior parabenizou a unidade dos trabalhadores da indústria do açúcar e disse que só “essa consciência coletiva fará que os profissionais não percam suas conquistas”. “Os sindicatos cartoriais, que são maioria no Brasil, perderão suas funções em breve. Sobreviverá aqueles sindicatos que tiveram sua categoria politizada e com completo entendimento que juntos são fortes”, opinou o docente.

Jackson de Lima Neto, presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria do Açúcar no Estado de Alagoas e presidente da União Geral de Trabalhadores em Alagoas (UGT) destacou a importância desse tipo de atividade para os sindicalizados, os delegados e demais membros da categoria.

“Manter a base informada, sabedora dos seus direitos e deveres, é uma das formas de politização e avanço. A vinda do professor Raul foi excelente, em parceria com   Minervino. Enquanto existir dúvidas vamos continuar realizado esse tipo de atividade. É tudo muito novo e temos que continuar nos aprofundando sobre a temática: Reforma Trabalhista”, finalizou Jackson de Lima Neto.

Blog do Presidente

Confederação

Central

Diretoria

Facebook

Twitter

Fale Conosco

atendente call center

SINDICATO DOS TRABALHADORES NA INDÚSTRIA DO AÇÚCAR DO ESTADO DE ALAGOAS

Rua: Barão de Jaraguá, 520 - CEP 57002-140 | Fone: (82) 3321-0842 | Fax: (82) 3221-0772

    www.stia-alagoas.com.br

Home | Blog do Presidente | Diretoria | Direito dos Sindicalizados | Notícias | Sindicalize-se| Contato | Imprensa | Adm